CUIDADO: Google pune conteúdo duplicado, SIM!

Siga o Ferramentas Blog: Canal no Youtube | Facebook | Twitter | Google+

Mesmo que todos já saibam disso, é sempre bom lembrar a importância de se produzir conteúdo original e de qualidade em seu Blog. Há muita gente achando que a Google não pune quem copia e duplica conteúdo e isto é um erro muito arriscado. Por isso preparei este vídeo para responder estas questões e apresentar alguns fundamentos importantes.

Quer ser um(a) Blogueiro(a) de Elite? Acesse AGORA: http://blogueiro.pro

Abaixo do vídeo tem alguns links, onde recomendo que você leia para aprofundar mais sobre o assunto.

De todas as técnicas de SEO (para seu conteúdo aparecer bem posicionado nos resultados de buscas do Google) e atrair mais visitas para seu Blog, a mais importante é sempre preocupar-se em produzir conteúdo original e único. É isso que vai garantir a sobrevivência do seu Blog a longo prazo.

Conheça: Técnicas de SEO para Blogs

O Vicente Sampaio (vídeo citado: Você Pode Posicionar Bem no Google com Conteúdo Duplicado) deixou passar algumas informações no vídeo dele e me senti na obrigação de mostrar o outro lado, com dados da própria Google, onde podemos confirmar que as regras da empresa para indexar conteúdos passa, sim, pela originalidade. Mesmo quando um conteúdo duplicado é indexado, isso se dá por pouco tempo.

Fica evidente quando lemos na ajuda do Google que trata justamente sobre “Conteúdo Duplicado”:

“Como resultado, a classificação do site poderá ficar prejudicada ou o site poderá ser completamente removido do índice do Google. Nesse caso, o site não aparecerá mais nos resultados de pesquisas.”

Ajuda do Search Console da Google – Conteúdo Duplicado

Mesmo argumentando que a Google só pune quem duplica conteúdo com intenção de manipular os resultados, eles mesmos apresentam formas sobre como duplicar conteúdo sem violar as regras e sem parecer que você quer enganar ou tirar vantagem.

Para duplicar conteúdo sem correr o risco de ser punido, a Google manda que você adicione em sua página a Tag “NOINDEX” (que diz aos motores de busca que o conteúdo não deve ser indexado), bem como exibir no conteúdo o link para a página do conteúdo original.

Ou seja, você não está levando nenhuma vantagem em copiar aquilo e não quer os benefícios que aquele conteúdo pode te oferecer. Isso mostra boa fé e dá os créditos aos autor original. Fazendo isso, só o autor original será indexado. Caso você não faça isso, está sujeito à punição mencionada acima.

Deixando tudo mais claro ainda, a Ajuda do Search Console reforça que você deve evitar repetições desnecessárias, bem como diminuir conteúdos semelhantes.

Por fim, a própria Google oferece uma ferramenta para denunciar conteúdo duplicado e violação de direitos autorias, caso o sistema deles não encontre as violações às regras. Se o seu conteúdo for duplicado, você poderá denunciar ao Google.

“Se você achar que outro site está duplicando seu conteúdo, violando as leis de direitos autorais, entre em contato com o host do site para fazer a solicitação de remoção. Além disso, é possível solicitar ao Google a remoção da página infratora dos resultados de pesquisa preenchendo uma solicitação de acordo com a Lei de Direitos Autorais do Milênio Digital.”

Outros links citados no vídeo:

Artigo sobre o PageRank da Google: O Futuros do SEO e as mudanças do Google em 2016

Neste vídeo não estou defendendo a minha opinião, mas o que está de fato nas regras da Google e nas melhores práticas de SEO que conheço. Para quem quer sobreviver na internet a longo prazo, é importante seguir essas diretrizes.

Quer ser um(a) Blogueiro(a) de Elite? Acesse AGORA: http://blogueiro.pro

11 Comentários

  1. Olá! Com autorização do autor, publico artigos que ele publica no Facebook, mas não insiro link, informando apenas quem é o autor. Isso poderá ser visto como artigo duplicado?

    Responder

  2. Minha pergunta é um pouco complexa e espero que possa me responder:
    vamos lá:

    tenho um dominio
    informatica.nomedosite.com.br
    e ele me fornece informações globais sobre essa categoria de posts no site principal, todos os posts de meus editores ficarão nele.

    tenho dois editores que escrevem sobre informática e no dominio deles exibe apenas as matérias referentes a eles, onde:

    editor-1.nomedosite.com.br/informatica
    editor-2.nomedosite.com.br/informatica

    há algum problema? afinal são 3 urls com a “mesma informação”?

    é claro que um é o global e os outros dois apenas localizado ao deles.

    dá algum problema?

    Responder

    • Sim, é problema.
      O que você tem que fazer é indicar vai Sitemap e Robot.TXT, via Search Console, qual conteúdo deve ser indexado pelo Google, para evitar conteúdo duplicado, já que o conteúdo é de fato duplicado, mas apenas por questão de organização.

      Responder

  3. Com certeza Marcos. O plágio hoje em dia dificulta ainda mais nós blogueiros que buscamos exclusividade para manter nossos leitores cativos sempre bem informado, entretanto, com a quantidade de blogs com o mesmo nicho hoje é gritante, blogueiro desde 2005 utilizando a plataforma bloguer sempre busquei conteúdo diferenciado. Gostaria de umas dicas pra poder proteger meu conteúdo pois percebi que tem infratores vigiando meu site pra roubar conteúdo assim que eu os publico.

    Responder

    • Fernando,

      é verdade. Se destacar em meio a tantos é um desafio.
      Sobre se proteger, há no link citado da Google o local para denunciar os plágios. Esta é a melhor forma de acabar com quem copia seu material, já que eles são punidos. Dá trabalho procurar e denunciar, mas o resultado é bom.

      Responder

  4. Eu encontrei 2 blogs com o mesmo conteúdo salvo que o original estava com mais imagens referente a explicação que continha no texto mas até mesmo a palavra chave era a mesma.
    Um estava em 1 colocado nas buscas e o outro em 7!!!
    Como isso acontece???????

    Responder

    • São muitos os fatores.
      Pode ser porque o autor original não tem um sitemap configurado no Search Console, o que dificulta para o Google rastrear novos conteúdos. Já o plagiador tem tudo configurado e o Google encontra a cópia e indexa antes de encontrar o original.

      Também pode ser por peso de autoridade da página plagiadora. Mas isso tem duração curta. Depois de alguns dias o Google percebe qual é o original e inverte as posições, quando todos os dados de rastreamento e indexação são analisados.
      Isso levando em conta que o autor original tem o sitemap e tudo que eu disse antes.

      Influencia também a forma como você busca. O ranking do Google muda de usuário para usuário. Assim, quando você faz uma busca por uma determinada palavra chave, o Google exibe uma lista de resultados em uma ordem diferente para você e outra para mim. Isso acontece porque o Google aprende a determinar o que é relevante para você. Se a página do plagiador tem mais relevância para você, então o Google pode colocá-la antes da página original.

      Até a otimização para aparelhos móveis influencia nisso agora.
      Como disse, são dezenas de fatores.

      O mais importante é que, se o autor original avisar ao Google que algo foi copiado ilegalmente, eles podem punir o plagiador e corrigir o problema.

      Responder

  5. Ótimo artigo Marcos. Parabéns. Assim como este artigos os outros são incríveis com dicas reais sobre SEO que nós, como profissionais, utilizamos no dia a dia.

    Um grande abraço

    Responder

Deixe uma resposta para Pena Digital Cancelar resposta

Ao comentar você concorda com nossa Política de Comentários.