Youtube NÃO vai monetizar Canais com menos de 10 Mil views

Siga o Ferramentas Blog: Canal no Youtube | Facebook | Twitter | Google+

A equipe do Youtube anunciou que mudou as regras para aceitar novos canais e aprovar a monetização no Programa de Parceiros (YPP), que é a forma com os produtores de conteúdo ganha dinheiro com seus vídeos na plataforma. Essas novas regras são para ampliar a análise e garantir que os canais seguem as regras.

Quer ser um(a) Blogueiro(a) de Elite? Acesse AGORA: http://blogueiro.pro

O sistema de monetização do Youtube para vídeos não vai mais aceitar a aplicação de novos parceiros, ou seja, de novos canais que tenham menos de 10.000 (dez mil) visualizações (views). Desse modo, qualquer pessoa que criar um canal terá que produzir conteúdo, gerar público e visualizações suficientes antes de solicitar a inscrição no YouTube Partner Program (YPP – Programa de Parceria do Youtube).

Deixando bem claro: os canais que quiserem ganhar dinheiro com vídeos no Youtube terão que produzir conteúdo e conquistar um mínimo de 10.000 visualizações totais antes de pedir parceira.

Basicamente esse YPP permite que os vídeos de um canal sejam monetizados, exibindo anúncios junto aos vídeos na forma de banners ou outros formatos. Uma parte dos ganhos é pago ao dono do canal através do AdSense. Quando seu canal é aprovado, automaticamente você passa a ter uma conta no AdSense por onde recebe os pagamentos.

Se você quer saber, eu mostro aqui Quanto Dinheiro o Youtube paga aos canais.

Tipos e formatos de anúncios no Youtube

O Youtube chegou a perder grandes anunciantes recentemente por não ter um controle muito rigoroso na hora de aprovar novos parceiros e os anúncios estavam sendo exibidos junto a conteúdos sensíveis e/ou de qualidade duvidosa. Empresas resolveram retirar seus investimentos até ter garantias de que o sistema do Youtube terá condições de controlar melhor que tipo de Canal poderá monetizar.

Claro que o sistema do Youtube tem regras e proíbe certos conteúdos, mas agora, com essa nova medida, a equipe de parcerias terá mais tempo para analisar os vídeos dos canais que aplicarem ao programa, exigirá que os interessados produzam mais conteúdo e poderá analisar também a reação do público como métricas de aprovação ou rejeição. Isso pode ter influenciado nessa mudança e podemos esperar novas regras ainda mais rígidas.

Como ganhar dinheiro com vídeos no Youtube?

Para quem tem Blogs ou sites em geral, ao tentar aplicar para o AdSense sente que a equipe do AdSense é mais rigorosa nas avaliações do que a equipe do YPP. Atualmente poucos conseguem ser aceitos e há tantos critérios de avaliação que nem é possível saber ao certo o que levam em consideração. As vezes parece algo completamente subjetivo da parte do avaliador. Mas todo esse rigor tem melhorado o desempenho do AdSense e o nível dos produtores cresceu bastante (mas ainda pode melhorar).

Imagino que é isso que o Youtube tentará de agora em diante, criando um sistema de avaliação dos canais e dos conteúdos mais rigoroso e eficiente. Não basta contabilizar visualizações, até porque isso pode ser fraudado, como acontece (Comprando views no Youtube?). Terão que implementar análises de público, retenção, avaliação e alcance, além de serem mais rigorosos nas questões de originalidade, qualidade da produção e valor de produção (não preço, mas seu potencial para um público ou objetivo determinado).

Com toda certeza podemos esperar mais mudanças e quem venham mesmo para melhorar os ganhos dos canais, ampliar a plataforma e dar mais ânimo aos produtores.

Fonte oficial: Youtube Creator Blog – Introducing Expanded YouTube Partner Program Safeguards to Protect Creators

19 Comentários

  1. Marcos, eu tenho um blog há 8 anos. Acredito que 85% dos posts são direcionados à cidade que moro, e a cidade é pequena e, portanto, os acessos são baixos. Mas o que noto – e fico muito curioso – ao longo desses anos é que quer eu publique bastante ou não, o número de acessos ao blog é praticamente o mesmo, assim como os valores pagos pelo Adsense, que são ínfimos, em razão do baixo número médio de visitas (2.000/dia). Mesmo os posts de interesse nacional ficam numa média de acesso quase inalterável.

    Responder

    • Para uma cidade pequena o número de acesso dia é considerável. Provavelmente por ter direcionado seu blog para sua cidade, não consegue ampliar o número de acessos. Se for um blog de turismo, pode falar sobre as particularidades de seu estado. Outro caso, para exemplificar, gastronomia, pode começar
      ampliando os assuntos de receitas e particularidades.
      Não focando apenas sua cidade, mas procurando ampliar o estado e se possível o país.
      * Parabéns pelos acessos. Tenho notado que excelentes sites em grandes cidades não conseguem esse número de visitas dia.(em virtude da concorrência e SEO)

      Responder

  2. Olá, o meu canal no YT tem 6K de views. Eu vou perder o pouco que ganhei? Muita sacanagem se isso acontecer. Eles deviam manter o que canais honestos já ganharam.

    Responder

    • Eduardo,
      Acredito que eles vão manter os ganhos acumulados. Mas com 6 mil views não se tem um ganho significativo. Não fique chateado por pouco. Continue trabalhando para seu canal crescer e se manter a longo prazo, para realmente dar resultados significativos.

      Responder

  3. Também vi essa notícia, e fiquei bastante preocupado… Logo agora que eu comecei a criar meu canal de youtube vem uma notícia dessa… É uma pena. Um Grande Abraço

    Responder

  4. Boa tarde Marcos, tenho três dúvidas:
    – Você recomenda manter os anúncios de adsense no youtube, enquanto não chega a 10k de views?
    – Para sites/blogs, isso também afetará e muito? A precificação (valor por view) também será alterada?
    – Você recomenda migrar para outros meios de monetização, como por exemplo programa de afiliados?

    Abraços!

    Responder

    • – Recomendo manter. Se a sua conta já estava aprovada antes da mudança de regra, deixa ativada a monetização. Isso pode acelerar o processo de avaliação.
      – Acredito que não, já que o sistema do AdSense já era bem mais rigoroso com sites e blogs em geral do que com canais de Youtube.
      – Com certeza programas afiliados são melhores se você tem condições de oferecer produtos e serviços para seu público e ganhar comissão sobre essas vendas. O ideal é justamente diversificar nas formas de ganhar dinheiro.

      Responder

  5. Acho justo, pois infelizmente a plataforma vinha sofrendo muitas visitas falsas vindas de donos de canais fraudulentos, o que acabava prejudicando o próprio youtube e os os anunciantes. Tudo que for para o bem de quem trabalha do forma honesta eu vou concordar sempre.

    Responder

  6. O meu tem 600k de views desde janeiro com ads e $0,00 de receita, ads tá osso, agora o problema do YouTube vai ser inverso kkk milhões de canais vão para de postar e abandonar suas contas ou encerra-las ou mesmo novos parceiro nem vão mais perder seu tempo os patrocinadores estavam reclamando de conteúdo de qualidade, agora vão reclamar de falta de conteúdo popular vídeos rápidos e virais.

    Responder

  7. Acho que isso é um tiro no próprio pé do youtube. Porque isso vai desestimular muitas pessoas, veja só o cara começa a criar uma audiência e claro demora um pouco para chegar aos 10 mil inscritos e ele não vai ver nada na conta dele, assim ele não vai ter estímulos para criar mais conteúdos. A não ser que ele se monetize de outra forma. E o youtube fica chupando dedo, perdendo um pouco do faturamento.

    Responder

  8. ola eu estou muito preocupado sobre meu canal . eu fiz um canal dia 17 de maio de 2017
    e falaram que um email iria ser enviado apos 2 dias mas nada . o email de aprovaçao .
    como funciona isso?

    Responder

Deixe um comentário

Ao comentar você concorda com nossa Política de Comentários.